Confiança do empresário sobe em dezembro e é a maior em 5 anos

O Índice de Confiança do Empresário Industrial (ICEI) subiu 1,8 ponto percentual de novembro para dezembro, alcançando 58,3 pontos neste mês - o melhor resultado desde novembro de 2012, ou seja, em pouco mais de cinco anos.

A informação foi divulgada nesta segunda-feira (18) pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), que fez pesquisa com 2.852 empresas do país entre os dias 1 e 13 de dezembro.

Índice de Confiança do Empresário Industrial (Foto: Reprodução de estudo da Confederação Nacional da Indústria) Índice de Confiança do Empresário Industrial (Foto: Reprodução de estudo da Confederação Nacional da Indústria)

Índice de Confiança do Empresário Industrial (Foto: Reprodução de estudo da Confederação Nacional da Indústria)

"O ICEI avançou em dezembro por conta de uma combinação de melhores condições de negócios e perspectivas mais otimistas", informou a entidade.

De acordo com a CNI, um dos componentes do ICEI, o índice de condições atuais da economia, aumentou 1,4 ponto percentual em dezembro, na comparação com o mês anterior, atingindo 52,9 pontos - o maior patamar desde fevereiro de 2011.

"Acima da linha dos 50 pontos pelo quarto mês consecutivo, o índice vem se afastando dessa linha divisória, revelando que o empresário enxerga melhora cada vez mais significativa das condições correntes de negócios", informou a entidade.

Já o índice de expectativas dos empresários - outro componente do ICEI - cresceu 2,1 pontos de novembro para dezembro de 2017 e alcançou 61 pontos.

"Dessa forma, superou o patamar de 60 pontos; a última vez que isso havia ocorrido foi em março de 2013. O índice é 9,4 pontos superior ao de dezembro de 2016", concluiu a entidade.

Fonte: G1 | DF

Publicidade